in

8 erros que os empreendedores cometem mas não falam a respeito

Target , eps10 vector format

Armadilhas comuns que poderão ser facilmente evitadas ou  que irão limitar o sucesso de sua empresa/startup.

Empreendedores são geralmente descritos como: competitivos, assumem riscos, ágeis e visionário. No entanto, há um conjunto mais amplo de habilidade e mentalidade que os empreendedores necessitam para serem bem sucedidos.

Vamos compartilhar oito erros que os empreendedores cometem mas que poucas vezes são comentados publicamente. A esperança é que possa ajudá-lo a evitar algumas dessas lições dolorosas ao longo do caminho para construir sua empresa.

1. Pensar que você pode fazer tudo por si mesmo.

Em vez disso: Lembre-se que é preciso de muitos para construir uma startup.

Envolva o máximo de pessoas. Ter funcionários, clientes, consultores, investidores e outros empreendedores que compartilham a  mensagem central de sua empresa, sensibilizá los sobre a sua proposta de valor e criar boa vontade geral, pode ajudar a energizar você e sua empresa através dos altos e baixos no início de vida.


 

“O hóquei é um esporte único no sentido de que você precisa de cada [pessoa] ajudando uns aos outros e puxando na mesma direção para ser bem sucedido.” Wayne Gretzky – astro do hóquei.

 

2. Permitir que a equipe adoeça.

Em vez disso: Indique o caminho correto imediatamente.

Quanto mais uma empresa cresce, mais você se tornar um gestor de pessoas, e você precisa estar plenamente consciente para resolver quaisquer problemas de pessoas antes que se tornem uma distração enorme, e potencialmente dramáticas, com conseqüências negativas sobre as receitas e/ou crescimento do produto.

3. Hesitar em desligar membros da equipe que não se encaixam.

Em vez disso: Tome decisões difíceis quando precisar, e avance através delas rapidamente.

Aceite que nem todos em sua equipe irão crescer com a sua empresa.

Fornecer feedback construtivo para alguém que está lutando é naturalmente importante. No entanto, a realidade é que nem todos os funcionários, executivos incluídos, serão capazes de crescer com a empresa. Isto pode ser particularmente difícil quando a pessoa em questão têm sido muito leal e trabalhou duro para você e sua empresa.

No mundo hiper-competitivo em que vivemos, você não possui vários meses e anos para esperar e rezar para que a pessoa descubra isso de alguma forma. Você e sua empresa irão sofrer se você não substituir ou mudar mudar de posição a pessoa que não está no nível exigido.

Construa e mantenha uma equipe de alto nível.

Não tenha medo de contratar pessoas melhores do que você – você não pode ser um perito em tudo. Fazer uma escolha de contratação ruim, especialmente no nível gerencial ou acima, pode criar um efeito arrasto enorme na cultura e crescimento de toda a sua empresa.

Tomar a decisão certa compensa – muitas vezes para ambas as partes.

Tomar uma decisão acertada e de maneira rápida fará bem para a empresa e muitas vezes também para a pessoa, que poderá se ajustar com maior rapidez àquilo que lhe faz melhor.

4. Ter medo de admitir que você não sabe tudo.

Em vez disso: Aprenda continuamente e proativamente.

Dizemos que nossos melhores empreendedores “sugam o conhecimento de nossos cérebros.” Eles tomam todos os dados relevantes dos clientes, do mercado, de conselheiros, empregados e investidores, sintetizam as informações, e em seguida, tomam as melhores decisões que eles podem com base nesses dados.

Aprender com as experiências dos outros, cometer erros e aprender com eles. Aproveitando outros recursos para aprender não são um sinal de fraqueza, mas de inteligência e força.

5. Deixar que o ego fique no caminho de ser um líder forte.

Em vez disso: Possuir “uma alta confiança consciente” (não arrogante) e empatia.

Há uma linha tênue entre confiança e arrogância. É importante ser confiante como um empreendedor, mas a arrogância pode atrapalhar requisitos importantes como ouvir e entender, ser respeitoso e ganhar o respeito, abordar questões importantes, refletir e resolver problemas criativamente.

O grande poder é imaginar-se no lugar da outra pessoa – seja funcionários, clientes, parceiros ou investidores – para entender de onde eles estão vindo e construir uma ponte para uma solução junto com eles.

6. Queimar tempo em coisas que não importam.

Em vez disso: impiedosamente priorizar as coisas que mais importam.

Cumprir seus compromissos, ser responsável e justo, e esperar o mesmo dos outros, mas sempre manter suas prioridades em mente e dizer não às não-prioridades.

7. Todo o tempo a “mil por hora”.

Em vez disso: Desligue e se inspirar.

Isso não é incomum entre empreendedores e investidores que queimam  regularmente até a última gota de “combustível”, mas muitos simplesmente não falam sobre isso.

Programe pequenas paradas e/ou férias. Recarregue as baterias . Erguer a cabeça para fora dos problemas regularmente irá ajudá-lo a obter uma perspectiva melhor, a resolver problemas de forma mais eficaz, a ser mais criativo, e a se preocupar menos. Também irá ajudá-lo a ser mais saudável.“Às vezes você tem que desacelerar para ir mais rápido.”

8. Subestimar como pode ser desafiador iniciar e expandir uma empresa.

Em vez disso: Fique firme e resistente.

Ser um empreendedor pode ser difícil e muito solitário. Desafios surgem todos os dias, e você não pode falar com sua equipe ou com outras pessoas sobre muitos dos problemas que enfrenta. (Bons conselheiros e investidores podem ser úteis nesse momento.) A resiliência é uma das características mais críticas dos empreendedores de sucesso .


“Você está indo para ser derrubado, e você precisa ficar em pé novamente. Em seguida, você está indo para ser derrubado de novo e de novo, e você tem que manter em pé. Aprenda com as pessoas que fizeram isso antes de você. Aprenda com cada experiência. A única coisa que você define no final do dia é se deve ou não ficar para trás. “

Jeff Booth, fundador e CEO da BuildDirect

Artigo de Katherine Barr, adaptado e traduzido de INC

What do you think?

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Written by Eduardo Swiech

Um latino americano dos idos de 1981. Apenas mais um curitibano, um 'CDF' de outrora, que gosta de games, filmes e seriados 'bem jóia'.

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

14 hábitos de pessoas extraordinariamente simpáticas

18 Coisas que Você Precisa Deixar de Fazer se Quer Ser Bem Sucedido